Produtos

Basta S

Herbicida de contacto para infestantes em diversas culturas

Formulação
Solução concentrada (SL) com 150 g/L de glufosinato-amónio
Grupo Químico
Ácido aminofosfínico
AV Nº
521
Intervalo de Segurança
◘ 3 dias em tomate
◘ 4 dias em morango
◘ 7 dias em banana
◘ 14 dias em ameixeira, batata, cerejeira, citrinos, damasqueiro, ginjeira, groselha, macieira, oliveira, pereira, pessegueiro e videira
◘ 21 dias em alface (cultura instalada)
◘ 49 dias em alface (pré-sementeira ou pré-plantação)

Classificação CLP


Pode afetar a fertilidade, o nascituro e/ou o sistema nervoso, após exposição prolongada/repetida.

Nocivo por inalação/ingestão e para organismos aquáticos.

Tóxico em contacto com a pele.

Provoca lesões oculares graves.

Rótulo


ATENÇÃO: A consulta deste site não dispensa a leitura
atenta dos rótulos. Leia sempre os rótulos.

Download em formato "pdf"

Propriedades

Basta S é um herbicida não seletivo, pertencente à família química dos ácidos aminofosfídicos, absorvido pelas folhas e outros órgãos verdes, atuando essencialmente por contacto.

◘ Não tem ação radicular, nem afeta as sementes de infestantes.

◘ Nas infestantes vivazes, destrói temporariamente as partes aéreas, não tendo ação sobre os órgãos subterrâneos.

◘ Os 1.ºs sintomas tornam-se visíveis após 2-5 dias da aplicação e consistem no amarelecimento progressivo das infestantes até à sua completa dessecação.

◘ A rapidez de atuação do produto é parcialmente dependente da temperatura e das condições vegetativas.


Condições de Aplicação


Cultura Problema Dose Modo de Emprego
Alface Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida às infestantes, com câmpanulas/deflectores de forma a não atingir a cultura (máximo de 1 aplicação). Apenas em ar livre.
Alface de cordeiro Infestantes (ervas) 4-5 L/ha tratado Consultar o site da DGAV

(www.dgv.min-agricultura.pt)

(*) Autorizado no âmbito dos usos menores.

Alfarroba Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Consultar o site da DGAV

(www.dgv.min-agricultura.pt)

(*) Autorizado no âmbito dos usos menores.

Ameixeira Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida ao solo, de forma a não atingir as zonas verdes da cultura (máximo 2 aplicações). Também pode ser utilizado na eliminação de ladrões (2-5 L/hL)
Bananeira Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida ao solo, de forma a não atingir as zonas verdes da cultura (máximo 2 aplicações). Também pode ser utilizado na eliminação de ladrões (2-5 L/hL)
Batata Dessecação da batata 2-2.5 L/ha tratado Aplicar 14 dias antes da data prevista de colheita. Não efectuar a aplicação do Basta S após uma forte chuvada (30-40 mn) ou outras condições de humidade elevada.
Cebola Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida às infestantes, com as infestantes em crescimento activo (máximo de 1 aplicação). Apenas em ar livre e antes da instalação da cultura.
Cerejeira Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida ao solo, de forma a não atingir as zonas verdes da cultura (máximo de 2 aplicações). Também pode ser utilizado na eliminação de ladrões (2,5 L/hL).
Citrinos Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida ao solo, de forma a não atingir as zonas verdes da cultura (máximo de 2 aplicações). Também pode ser utilizado na eliminação de ladrões (2,5 L/hL).
Couves Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida às infestantes, com as infestantes em crescimento ativo (máximo de 1 aplicação). Apenas em ar livre e antes da instalação da cultura.
Damasqueiro Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida ao solo, de forma a não atingir as zonas verdes da cultura (máximo de 2 aplicações). Também pode ser utilizado na eliminação de ladrões (2,5 L/hL).
Ervilha Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida às infestantes, com as infestantes em crescimento ativo (máximo de 1 aplicação). Apenas em ar livre e antes da instalação da cultura.
Feijão Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida às infestantes, com as infestantes em crescimento ativo (máximo de 1 aplicação). Apenas em ar livre e antes da instalação da cultura.
Ginjeira Infestantes (ervas) 3 L/ha tratado Consultar o site da DGAV

(www.dgv.min-agricultura.pt)

(*) Autorizado no âmbito dos usos menores.

Groselha Infestantes (ervas) 3 L/ha tratado Consultar o site da DGAV

(www.dgv.min-agricultura.pt)

(*) Autorizado no âmbito dos usos menores.

Kiwi Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Consultar o site da DGAV

(www.dgv.min-agricultura.pt)

(*) Autorizado no âmbito dos usos menores.

Macieira Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida ao solo, de forma a não atingir as zonas verdes da cultura (máximo de 2 aplicações). Também pode ser utilizado na eliminação de ladrões (2,5 L/hL).
Morango Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida às infestantes, de forma a não atingir a cultura (máximo de 2 aplicações: 1 com a cultura instalada e 1 em pré-sementeira/pré-plantação). Apenas em ar livre.
Oliveira Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida ao solo, de forma a não atingir as zonas verdes da cultura (máximo de 2 aplicações). Também pode ser utilizado na eliminação de ladrões (2,5 L/hL).
Pereira Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida ao solo, de forma a não atingir as zonas verdes da cultura (máximo de 2 aplicações). Também pode ser utilizado na eliminação de ladrões (2,5 L/hL).
Pessegueiro Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida ao solo, de forma a não atingir as zonas verdes da cultura (máximo de 2 aplicações). Também pode ser utilizado na eliminação de ladrões (2,5 L/hL).
Plantas florestais Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida às infestantes, de forma a não atingir a cultura (máximo de 2 aplicações: 1 com a cultura instalada e 1 em pré-sementeira/pré-plantação).
Plantas ornamentais Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida às infestantes, de forma a não atingir a cultura (máximo de 2 aplicações: 1 com a cultura instalada e 1 em pré-sementeira/pré-plantação).
Romã Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Consultar o site da DGAV

(www.dgv.min-agricultura.pt)

(*) Autorizado no âmbito dos usos menores.

Tomate Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida às infestantes, de forma a não atingir a cultura (máximo de 2 aplicações: 1 com a cultura instalada e 1 em pré-sementeira/pré-plantação). Apenas em ar livre.
Videira (uva de mesa) Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida ao solo, de forma a não atingir as zonas verdes da cultura (máximo de 2 aplicações). Também pode ser utilizado na eliminação de ladrões (2,5 L/hL).
Videira (uva de vinho) Infestantes (ervas) 3-5 L/ha tratado Aplicação dirigida ao solo, de forma a não atingir as zonas verdes da cultura (máximo de 2 aplicações). Também pode ser utilizado na eliminação de ladrões (2,5 L/hL).

Volume de Calda Recomendado

400–1000 L/ha


Infestantes Susceptíveis

Acácias (Acacia spp.), agrião menor (Cardamine hirsuta), agrostis (Agrostis spp.), alface de cordeiro (Valerianella locusta), amor de hortelão (Galium aparine), armoles (Atriplex spp.), azedas (Rumex spp.), azevéns (Lolium spp.), balanco maior (Avena sativa), barba de falcão (Crepis capillaris), bardana (Xanthium strumarium), beldroega (Portulaca oleracea), bico de pomba (Geranium dissectum), bico de pomba menor (Geranium molle), bicos de cegonha (Erodium spp.), bolsa de pastor (Capsella rubella), botão de oiro (Ranunculus repens), bredos (Amaranthus spp.), bromos (Bromus spp.), cabelo de cão (Poa annua), capim do sudão (Sorghum × drummondii), cardo das vinhas (Cirsium arvense), carrapiço (Setaria verticillata), catassol (Chenopodium album), cenoura brava (Daucus carota), centeio (Secale cereale), cevada dos ratos (Hordeum murinum), corriola bastarda (Fallopia convolvulus), consolda maior (Symphytum officinale), corriola (Convolvulus arvensis), dente leão (Taraxacum officinale), epilóbios (Epilobium spp.), erva moira (Solanum nigrum), erva molar (Holcus mollis), erva pessegueira (Persicaria maculosa), ervas quentes (Spermacoce spp.), ervilhaca brava (Vicia sativa), esparguta (Spergula arvensis), fedegosa (Chenopodium vulvaria), fidalguinhos (Centaurea cyanus), gerânios (Geranium spp.), girassol (Helianthus annuus), graminhões (Paspalum spp.), grisandra (Diplotaxis erucoides), hortelã (Mentha × piperita), jacinto das searas (Leopoldia comosa), junça de conta (Cyperus rotundus), junco dos sapos (Juncus bufonius), juta da china (Abutilon theophrasti), labresto (Lapsana communis), lâmio roxo (Lamium purpureum), lepídio vulgar (Lepidium latifolium), língua de ovelha (Plantago lanceolata), luzerna (Medicago sativa), malateira (Euphorbia helioscopia), mal casada (Persicaria lapathifolia), malva silvestre (Malva sylvestris), manjerico (Lindernia dubia), margão (Anthemis arvensis), margão das boticas (Matricaria chamomilla), marujinha (Montia fontana), meliloto branco (Melilotus albus), milfolhada (Achillea millefolium), milhã digitada (Digitaria sanguinalis), milhã pé de galo (Echinochloa crus-galli), milhã verde (Setaria viridis), milheto (Panicum miliaceum), milho (Zea mays), miosotis (Myosotis arvensis), morrião azul (Anagallis arvensis), morugem branca (Stellaria media), mostarda dos campos (Sinapis arvensis), panasco (Dactylis glomerata), pimpinela (Sanguisorba minor), raspa saias (Helminthotheca echioides), saramago (Raphanus raphanistrum), sempre noiva (Polygonum aviculare), serralha espinhosa (Sonchus asper), serralha macia (Sonchus oleraceus), soagem (Echium vulgare), sorgo bravo (Sorghum halepense), tanchagens (Plantago spp.), tasneirinha (Senecio vulgaris), tradescância (Commelina communis), trevo cervino (Eupatorium cannabinum), trevo comum (Trifolium pratense), trevo rasteiro (Trifolium repens), trigo mole (Triticum aestivum), urtiga maior (Urtica dioica), urtiga morta (Mercurialis annua), valerianas (Valeriana spp.), verbesina (Eclipta prostrata), verónicas (Veronica spp.) e violeta dos campos (Viola arvensis)


Infestantes Moderadamente Susceptíveis

Alho das vinhas (Allium vineale), avoadinha (Erigeron canadensis), bromo do campo (Bromus arvensis), erva de febra (Poa pratensis), grama francesa (Elymus repens), junças (Cyperus spp.), labaça obtusa (Rumex obtusifolius), malva redonda (Malva neglecta), milhãs (Digitaria spp.), papoila das searas (Papaver rhoeas) e poa comum (Poa trivialis)


Informações Complementares

◘ A aplicação deve ser efetuada em bandas na linha de cultura ou localizada nas manchas das infestantes.

◘ Aplicar o Basta S preferencialmente nos estádios de desenvolvimento mais precoce das infestantes e/ou durante a época de crescimento ativo das mesmas.

◘ Utilizar as doses mais elevadas na presença de infestantes vivazes ou quando as infestações forem muito elevadas.


Embalagens

200 mL, 1 L, 5 L e 15 L


Ficha de Dados de Segurança

Download em formato "pdf"