Produtos

Complesal 12-4-6

Adubo líquido NPK com micronutrientes para aplicação foliar e rega

Formulação
12% Azoto (N), 4% Anidrido fosfórico (P2O5), 6% Óxido potássico (K2O) e micronutrientes: Boro (B), Cobre (Cu), Ferro (Fe), Manganês (Mn), Molibdénio (Mo) e Zinco (Zn)
Classificação Toxicológica
não aplicável
Intervalo de Segurança
não aplicável

Rótulo


ATENÇÃO: A consulta deste site não dispensa a leitura
atenta dos rótulos. Leia sempre os rótulos.

Download em formato "pdf"

Propriedades

Complesal 12-4-6 é um adubo composto NPK (azoto, fósforo e potássio) com micronutrientes quelatados por EDTA, de forma a serem imediatamente absorvidos pelas plantas. É um adubo líquido, especialmente indicado para a fase de maior crescimento das plantas (na fase de formação/crescimento dos frutos, deve-se usar Complesal 5-8-10).

Complesal 12-4-6 é um adubo líquido para aplicação foliar ou rega.


Condições de Aplicação


Cultura Problema Conc. Modo de Emprego
Alface Carências nutricionais 0.2-0.5 L/hL Aplicar após a crise de transplantação.
Ameixeira Carências nutricionais 0.25-0.3 L/hL Aplicar 0.25 L/hL na queda das pétalas e 0.3 L/hL após o vingamento dos frutos.
Amendoeira Carências nutricionais 0.25-0.3 L/hL Aplicar 0.25 L/hL na queda das pétalas e 0.3 L/hL após o vingamento dos frutos.
Arroz Carências nutricionais 0.9-1 L/hL Aplicar com produtos fitofarmacêuticos, para aumentar a penetração/sistemia destes últimos.
Batata Carências nutricionais 1 L/hL Desde os 15-20 cm de altura até à formação dos tubérculos.
Cebola Carências nutricionais 0.3-0.5 L/hL Aplicar após o início da formação do bolbo.
Cenoura Carências nutricionais 0.2-0.5 L/hL Aplicar até à formação da raiz tuberosa.
Cerejeira Carências nutricionais 0.25-0.3 L/hL Aplicar 0.25 L/hL na queda das pétalas e 0.3 L/hL após o vingamento dos frutos.
Citrinos Carências nutricionais 0.5 L/hL Aplicar antes da floração.
Damasqueiro Carências nutricionais 0.25-0.3 L/hL Aplicar 0.25 L/hL na queda das pétalas e 0.3 L/hL após o vingamento dos frutos.
Ginjeira Carências nutricionais 0.25-0.3 L/hL Aplicar 0.25 L/hL na queda das pétalas e 0.3 L/hL após o vingamento dos frutos.
Macieira Carências nutricionais 0.25-0.3 L/hL Aplicar 0.25 L/hL na queda das pétalas e 0.3 L/hL após o vingamento dos frutos.
Marmeleiro Carências nutricionais 0.25-0.3 L/hL Aplicar 0.25 L/hL na queda das pétalas e 0.3 L/hL após o vingamento dos frutos.
Melão Carências nutricionais 0.3-0.5 L/hL Aplicar antes da 1.ª floração.
Morango Carências nutricionais 0.8 L/hL Aplicar antes da 1.ª floração, alternando com 0.2 L/hL de Complesal 5-8-10. Após esta fase, aplicar uma mistura de 0.5 L/hL de Complesal 12-4-6 e 0.5 L/hL de Complesal 5-8-10.
Nectarina Carências nutricionais 0.25-0.3 L/hL Aplicar 0.25 L/hL na queda das pétalas e 0.3 L/hL após o vingamento dos frutos.
Nespereira Carências nutricionais 0.25-0.3 L/hL Aplicar 0.25 L/hL na queda das pétalas e 0.3 L/hL após o vingamento dos frutos.
Oliveira Carências nutricionais 0.6 L/hL Aplicar antes da floração.
Pepino Carências nutricionais 0.3-0.5 L/hL Aplicar antes da 1.ª floração.
Pereira Carências nutricionais 0.25-0.3 L/hL Aplicar 0.25 L/hL na queda das pétalas e 0.3 L/hL após o vingamento dos frutos.
Pereira asiática Carências nutricionais 0.25-0.3 L/hL Aplicar 0.25 L/hL na queda das pétalas e 0.3 L/hL após o vingamento dos frutos.
Pessegueiro Carências nutricionais 0.25-0.3 L/hL Aplicar 0.25 L/hL na queda das pétalas e 0.3 L/hL após o vingamento dos frutos.
Pimento Carências nutricionais 0.5-0.8 L/hL Aplicar antes da 1.ª floração de interesse.
Plantas ornamentais Carências nutricionais 0.02-0.5 L/hL (ver rótulo)
Tomate Carências nutricionais 0.5-0.8 L/hL Aplicar antes da 1.ª floração de interesse.
Videira (uva de mesa) Carências nutricionais 0.2-0.3 L/hL Aplicar 0.2 L/hL nas folhas livres, 0.25 L/hL nos cachos visíveis e 0.3 L/hL no bago de chumbo.
Videira (uva de vinho) Carências nutricionais 0.2-0.3 L/hL Aplicar 0.2 L/hL nas folhas livres, 0.25 L/hL nos cachos visíveis e 0.3 L/hL no bago de chumbo.

Informações Complementares

Rega no Solo: Quando se usa este método de aplicação, a concentração do Complesal 12-4-6 deve ser de 20 mL-200 mL por 100 L de água.

Rega por Gota-a-Gota: No método gota-a-gota ou noutros métodos semelhantes, a concentração deve ser ajustada por forma a assegurar o fornecimento das quantidades necessárias de nutrientes por unidade de área e de tempo.

Complesal 12-4-6 pode ser misturado com os principais produtos usados na proteção das culturas.

◘ Pode ser misturado com o Complesal 5-8-10.


Embalagens

1 L e 5 L


Ficha de Dados de Segurança

Download em formato "pdf"