Produtos

Challenge

Herbicida de pré-emergência para o controlo de infestantes em diversas culturas

Formulação
Suspensão concentrada (SC) com 600 g/L de aclonifena
Grupo Químico
Éter difenílico
AV Nº
1211
Intervalo de Segurança
90 dias em aipo e cebola

Classificação CLP


Suspeito de provocar cancro.

Muito tóxico para organismos aquáticos.

Rótulo


ATENÇÃO: A consulta deste site não dispensa a leitura
atenta dos rótulos. Leia sempre os rótulos.

Download em formato "pdf"

Propriedades

◘ O Challenge é um herbicida residual e sistémico, composto por aclonifena. Esta substância ativa pertence à família química dos éteres difenílicos (Grupo F3).

◘ É absorvido por coleóptilo, cotilédones e hipocótilo, sendo translocado para os meristemas.

◘ Atua por inibição da biossíntese dos carotenóides.


Condições de Aplicação


Cultura Problema Conc. Dose Modo de Emprego
Aipo Infestantes (ervas) 0.5-0.8 L/hL 2.5 L/ha Aplicar em pós-transplante (4-8 folhas), durante o estado inicial das infestantes (máximo de 1 aplicação).
Alho Infestantes (ervas) 0.5-0.8 L/hL 2.5 L/ha Aplicar em pré-emergência da cultura, durante o estado inicial das infestantes (máximo de 1 aplicação).
Batata Infestantes (ervas) 0.5-1 L/hL 2.5-3 L/ha Aplicar em pré-emergência da cultura, durante o estado inicial das infestantes (máximo de 1 aplicação).
Cebola Infestantes (ervas) 0.25-0.4 L/hL 1.25 L/ha Aplicar em pré-emergência da cultura, durante o estado inicial das infestantes (máximo de 1 aplicação).
Cenoura Infestantes (ervas) 0.5-1 L/hL 2.5-3 L/ha Aplicar em pré-emergência da cultura, durante o estado inicial das infestantes (máximo de 1 aplicação).
Ervilha Infestantes (ervas) 0.5-1 L/hL 2.5-3 L/ha Aplicar em pré-emergência da cultura, durante o estado inicial das infestantes (máximo de 1 aplicação).
Fava Infestantes (ervas) 0.5-1 L/hL 2.5-3 L/ha Aplicar em pré-emergência da cultura, durante o estado inicial das infestantes (máximo de 1 aplicação).
Feijão Infestantes (ervas) 0.5-1 L/hL 2.5-3 L/ha Aplicar em pré-emergência da cultura, durante o estado inicial das infestantes (máximo de 1 aplicação).
Girassol Infestantes (ervas) 0.5-1 L/hL 2.5-3 L/ha Aplicar em pré-emergência da cultura, durante o estado inicial das infestantes (máximo de 1 aplicação).
Grão Infestantes (ervas) 0.5-1 L/hL 2.5-3 L/ha Aplicar em pré-emergência da cultura, durante o estado inicial das infestantes (máximo de 1 aplicação).
Lentilhas Infestantes (ervas) 0.5-1 L/hL 2.5-3 L/ha Aplicar em pré-emergência da cultura, durante o estado inicial das infestantes (máximo de 1 aplicação).
Salsa Infestantes (ervas) 0.5-1.25 L/hL 2.5 L/ha Aplicar em pré-emergência da cultura, durante o estado inicial das infestantes (máximo de 1 aplicação).
Sorgo Infestantes (ervas) 0.2-0.5 L/hL 1-1.5 L/ha Aplicar em pré-emergência da cultura, durante o estado inicial das infestantes (máximo de 1 aplicação).
Tremoço Infestantes (ervas) 0.5-1 L/hL 2.5-3 L/ha Aplicar em pré-emergência da cultura, durante o estado inicial das infestantes (máximo de 1 aplicação).

Volume de Calda Recomendado

300-500 L/ha, à exceção de salsa (200-500 L/ha)


Infestantes Susceptíveis

Amor de hortelão (Galium aparine), bolsa do pastor (Capsella bursa-pastoris), bredos (Amaranthus spp.), cabelo de cão (Poa annua), camomilas (Matricaria spp.), catassol (Chenopodium album), chucha pitos (Lamium spp.), grizandra (Diplotaxis erucoides), milhã digitada (Digitaria sanguinalis), milhã pé de galo (Echinochloa crus-galli), morugem branca (Stellaria media), persicárias (Polygonum spp.) e rabo de raposa (Alopecurus myosuroides)


Infestantes Moderadamente Susceptíveis

Erva moleirinha (Fumaria officinialis), esparguta (Spergula arvensis), estramónio (Datura stramonium), galínsogas (Galinsoga spp.), ineixa (Sinapis arvensis), malvão (Abutilon theophrasti), papoilas (Papaver spp.), saramago (Raphanus raphanistrum), serralhas (Sonchus spp.), urtiga morta (Mercurialis annua), urtigas (Urtica spp.) e violetas (Viola spp.)


Infestantes Resistentes

Âmio maior (Ammi majus), corriola (Convolvulus arvensis), erva moira (Solanum nigrum) e junças (Cyperus spp.)


Informações Complementares

◘ Devido à especificidade técnica do produto, utilizar apenas Challenge após contacto prévio com os Serviços Técnicos da Bayer ou Distribuidores Autorizados.

◘ Não se deve efetuar qualquer cultura não referida no rótulo, antes de passar 5 meses da aplicação do Challenge.

◘ No momento da aplicação, o solo deve estar húmido e bem preparado.

◘ Não aplicar o herbicida em mistura com adubos líquidos.

◘ Evitar aplicar o herbicida em culturas doentes.

◘ Não mobilizar o solo depois da aplicação.

◘ A utilização repetida do produto ou herbicidas com igual modo de ação pode induzir o desenvolvimento de biótipos resistentes de algumas infestantes rotuladas como susceptíveis.

◘ Recomenda-se proceder à rotação de culturas e não aplicar o produto mais do que 3 anos consecutivos nos mesmos solos, alternando com herbicidas de outro modo de acção.


Embalagens

1 L e 5 L


Ficha de Dados de Segurança

Download em formato "pdf"

Folhetos Relacionados

Download Challenge - Cebola